Total: R$0,00
Total: R$0,00

As bombas d’água estão disponíveis em diferentes tipos e são comumente vistas em residências, edifícios, indústrias e na agricultura. Sua principal função é bombear a água de um local para o outro. Elas podem ser usadas para diversas finalidades, como em locais com poços artesianos. Se você possui um em sua propriedade, pode usar a bomba para transferir a água para cisterna ou uma caixa de água. Outro uso comum é para porões ou áreas que costumam ficar inundadas com facilidade. Se esse é o seu caso, um bom modelo de bomba d’água pode ajudar a tirar o volume e mandar para uma rede de esgoto. Locais que possuem caixas d’água em andares elevados também podem se beneficiar do seu uso: em caso de ruas que não tem pressão suficiente e o seu reservatório fica em algum local alto, a peça pode ser usada para fazer com que a água suba até lá. As bombas d’água são muito utilizadas na agricultura, mas também em uso doméstico para melhorar o abastecimento. No entanto, para você escolher a melhor para a sua casa é preciso ter cuidado e ficar atento quanto aos diferentes tipos de produto disponíveis no mercado. A versão periférica não deve ser utilizada em profundidades superiores a oito metros e sua instalação deve ser feita acima do nível do solo. É uma das opções mais conhecidas e utilizadas em residências, principalmente pelo seu baixo custo. A sua capacidade de vazão é um pouco baixa, mas possui uma pressão superior a outras opções. Sua principal indicação é para quem precisa transferir água limpa e isenta de resíduos de cisternas, rios, reservatórios e pequenas irrigações. Já a centrífuga possui uma vazão maior, mas pressão menor. Também deve respeitar o limite de oito metros de profundidade. É a opção mais utilizada para bombear água de saneamento básico, edifícios e indústria. Você também encontra a bomba de água submersa, produzida especialmente para trabalhar dentro da água, atingindo uma profundidade máxima de 20 metros. Na Leroy Merlin, também há o modelo autoaspirante, que faz a retirada do ar de dentro do corpo da bomba. Ela dispensa a válvula de fundo de poço por conter um reservatório que mesmo após o seu desligamento, permite que se mantenha a água. A maioria das bombas funcionam por meio de energia elétrica, por isso, é importante que você fique atento quanto a sua voltagem na hora da compra. Também é preciso ficar de olho quanto as quedas de energia: quando acontecem, as bombas não voltam a funcionar sozinhas, mesmo com a energia já restaurada. Mas basta desligar e ligar novamente para que elas funcionam perfeitamente. Para piscinas, você irá precisar de uma bomba específica que não deve ser confundida com as usadas para bombear águas de casa e edifícios. Não deixe de conferir estes e outros modelos de bombas d’água do nosso catálogo!

× Como posso te ajudar?