4 1 1 1 1 1 (4 Votos)
Manômetro para Prensa Hidráulica

 

Quando o manômetro se destina a medir a força total de uma prensa ou equipamento hidráulico é indispensável informar o diâmetro ou a área do pistão ou a equivalência, entre a força (T) e a pressão (P).

P = Pressão do manômetro
T = Força da Prensa
A = Área do Pistão em cm2
ð = 3,1416
D = Diâmetro do Pistão em cm

Exemplo: Prensa Skay de 30 Tons e o pistão (D) = 75 mm

 

Quando o caso for teste de estiramento, em que o eixo do pistão é usado como elemento de tração, a área ocupada pela secção transversal do mesmo é morta e deverá ser deduzida da área total do pistão.

Exemplo:
T = 30 tons
D = 75 mm
d = 30 mm
P = 30000 / ð ( 7,52 – 32) = 30000 / 148,44 = 202 Kgf / cm2

P = Pressão do manômetro
T = Força da Prensa
A = Área do Pistão em cm2
ð = 3,1416
D = Diâmetro do Pistão em cm
d = Diâmetro do eixo do pistão em cm

Algumas pressões em Kgf/cm2 dos manômetro dos fabricantes de prensa (sujeito a variações com alterações do Ø do pistão).

Nota: Sobre o valor “P”, acrescentar faixa de segurança de +25%